Cabelo

Cabelo crespo não é palha de aço

O que melhor representa a mulher negra nessas fotos?

   Ontem (19.03) no SPFW o estilista Ronaldo Fraga apresentou sua nova coleção para a primavera/verão 2014 para a marca de mesmo nome. Minha indignação está até agora, e é tamanha que tive que criar este post. A coleção feita em homenagem aos negros e à chegada do futebol no Brasil, teve sua beleza assinada por Marcos Costa que trouxe nos cabelos de todas as modelos uma faixa feita com palha de aço para se referir aos negros. Um total absurdo.
  Embora meu cabelo não seja crespo, ele é cacheado, minha família é de negros, e a sua grande maioria tem o cabelo crespo, minha própria irmã mais velha tem o cabelo crespo então eu me sinto na obrigação de falar sobre o tema.
  De onde surgiu o cabelo crespo? Ele surgiu nos primórdios da humanidade. Quando os homens habitantes das regiões da África, tiveram suas adaptações naturais. Todo mundo sabe que a natureza adapta o ser vivo ao ambiente de seu habitat natural, o negro vivendo em uma região seca e de grandes temperaturas, para sobreviver, o nariz alargado, facilitava a respiração, a pele negra, é a maior quantidade de melanina para proteger a pele do forte calor e o CABELO CRESPO servia para proteger a cabeça do sol intenso.
  Com os passar dos anos, dos séculos, com a escravidão, o negro foi tratado como nada, como lixo, como mão de obra fácil e barata pelos europeus, que tinham um perfil totalmente diferente: pele branca, cabelo liso, em algumas regiões loiros e de olhos claros. O belo era o europeu, não o negro, pois ele era tratado como bicho, não como gente. Hoje vivemos em pleno séculos XXI e o negro ainda sofre preconceito. É a ditadura da beleza que aponta que o bonito é o cabelo liso. e com isso muitas mulheres se submetem a tratamentos fortíssimos, de alisamento capilar, muitos deles chegam a causar doença no couro cabeludo, com o objetivo de serem aceitas pela sociedade, por não terem mais o cabelo dito pixaim, ou cabelo ruim.
  Hoje muitos mulheres dão o exemplo e se mostram extremamente belas por exibirem seus cabelos crespos de altíssimo nível então eu me pergunto, qual o objetivo de homenagear a mulher negra comparando seu cabelo que é tão imponente a uma palha de aço? Super mal pensada essa beleza.
  Para homenagear a mulher negra, como disse a Mari Figueiró, do Oh Fashion antes tivessem colocado todas as modelos negras.
  A real beleza do cabelo crespo e cacheado:

       E vocês, o que acharam desse detalhe do desfile? Quero esclarecer que não sou contra cabelo liso, pelo contrário, acho lindo, mas penso que a mulher deve ser respeitada, independendo do cabelo que tenha.
Comentem
beijo beijo
1

Últimos Looks