Irlanda Viagem

Dia 3: Cliffs of Moher

    Hello, hello, decidi como vou me organizar com os posts da viagem, vou intitulá-los por dia, assim fica até mais fácil de eu me situar depois. O post de hoje era pra ser sobre todo o dia 3 da viagem (11.01), MAS, tinham muuuitas fotos incríveis, então resolvi dividi-lo em dois. Vou mostrar um dos lugares mais incríveis que já conheci até hoje. Quando saí do Brasil já tinha o intuito de conhecer esse lugar bem famosinho aqui na Irlanda, chama-se Cliffs of Moher, já tinha ouvido falar do lugar por que ele apareceu como um dos cenários do Harry Potter e o Enígma do Príncipe, e como eu sou super fã, tinha que vir conhecer. Também já foi cenário de outros filmes como Casa Comigo, mas não vem ao caso.
    Para chegar até lá compramos passagens de ônibus, ida de volta por 12 euros (meia) e foram 2 horas de estrada, que foi incrível pois pude ver de perto alguns povoados, ver a parte rural, amei, foi maravilhoso, o chato mesmo foi que quando chegamos no local o motorista avisou que só teríamos 1 hora pra ficar lá, então pra quem quiser conhecer direitinho, recomendo irem por alguma companhia de turismo. Nesse tempo nós (eu, irmãs e cunhado + duas amigas da minha irmã) andamos pelo lugar e ficamos maravilhados pela beleza daquilo, o ar puro, o dia não estava tão frio e a luz estava perfeita para as fotos (cerca de 13 horas).
    Lá existe um edifício enterrado na montanha que já ganhou prêmio por ser um edifício verde (arquitetura), ele possui lanchonetes, uma área de exposição sobre a história de lá com fotos incríiiiveis e também algumas lojinhas variadas, não tive tempo que ver nada direito, chateada, rs, mas a imagem do lugar valeu a pena.

Um pouco de história segundo a Tarsila, do blog Vida na Irlanda:

    Considerado uma das maiores atrações da Irlanda e também um dos finalistas das Sete Maravilhas do Mundo da Natureza, os Cliffs of Moher são um conjunto de penhascos lindíssimos que se extendem por 8 kilometros.
    A formação geológica é surpreendente e é possível ver as diferentes marcas feitas por velhos canais fluviais por toda a encosta. As marcas mais antigas datam mais de 300 milhões de anos (não é mole não), encantando nossos olhos e atiçando nossa imaginação.
    Próxima ao ponto mais alto, há 214 metros de altura do mar, há uma pequena to chamada O’Brien Tower. (Construída em 1835 por Cornelius O’Brien, descendente do primeiro Rei da Irlanda, Brian Boru).


    Faltando cerca de 10 minutos para partimos, como já estava na hora do almoço eu e a irmã engolimos literalmente uma comidinha, rs. Comi um salgado (me esqueci o nome) com pedaços de frango e queijo com um bolo de chocolate e ela uma sopa delíciooooosa (experimentei né, rsrs) de vegetais e queijo, mais um bolo de cenoura.
Nossa achei lindo demais, mesmo rapidinho, valeu o passeio. Cada dia mais apaixonada por esse lugar, rs. O que acharam?
beijo beijo
Fotos: Kássia Simas e Kátia Simas

1

Últimos Looks